Curso de Manobrador de Máquinas em Obra

16 horas

sob consulta

Certificado de Formação Profissional

Descrição

A manobração de máquinas em obra requer alguns cuidados especiais para evitar acidentes que envolvam o trabalhador e terceiros. O curso de Manobrador de Máquinas em Obras da Alfa Formação surge como resposta ao dever das entidades empregadoras de prestarem informação adequada sobre os equipamentos de trabalhos utilizados, conforme o artigo o artigo 8º da Lei nº 50/2005 de 25 de fevereiro, aos seus trabalhadores e representantes para a segurança, higiene e saúde no trabalho.

QUERO SABER MAIS SOBRE ESTA FORMAÇÃO!

Objetivo

A formação de Manobrador de Máquinas em Obra tem como principal objetivo dotar os formandos de conhecimentos que lhes permitam manobrar máquinas em obra com toda a segurança necessária. Para além disso, esta formação tem como objetivos os seguintes pontos:

  • Reconhecer e aplicar os princípios básicos de higiene e segurança no trabalhador;
  • Conhecer as situações anormais previsíveis e gerir as principais causas de sinistralidade na área em questão;
  • Identificar as condições de utilização dos equipamentos e aplicar os procedimentos de segurança na atividade de manobra de máquinas em obra;
  • Prevenir os acidentes de trabalho.

Destinatários

A formação de Manobrador de Máquinas em Obra destina-se a profissionais em exercícios de funções na área de especialização do curso ou novos profissionais que pretendam a aquisição de competências na área.

Pré-requisitos

Não existem pré-requisitos para a formação de Manobrador de Máquinas em Obra.

METODOLOGIAS DA FORMAÇÃO

A formação de formação de Manobrador de Máquinas em Obras utiliza uma metodologia que assenta na articulação de recursos pedagógicos especialmente concebidos para a área. Esta inclui uma parte teórica e uma parte prática com os equipamentos enumerados acima.

QUERO VER CONTEÚDOS DESTA FORMAÇÃO

Para ver os conteúdos desta formação por favor preencha o formulário.

Conteúdos da Formação

Geral

  • Sensibilização em HST no local de trabalho;
  • Principais causas de sinistralidade – situações anormais previsíveis;
  • Consciência de segurança:
  • Custos dos acidentes;
  • Consequências dos acidentes para o próprio e para terceiros;
  • Doenças profissionais;
  • Procedimentos de segurança e condições de utilização dos equipamentos em estaleiros.